SEMI – Aula 02

Publicado por Ricardo Gaúcho Em 15 junho 2010 Sem Comentários
Tech tipsComputer Tricks

02.01. [c]

Na etapa I, o gás carbônico é absorvido no processo de fotossíntese e convertido em matéria orgânica (glicose). Na etapa II, a matéria orgânica pode estar sendo queimada para liberação de energia, processo que elimina gás carbônico para a atmosfera. Um exemplo disso poderia ser o álcool combustível sendo queimado por veículos.

____________________ 

02.02. [a]

A- girafa libera CO2 (respiração mitocondrial.

B- vegetal absorve CO2 (fotossíntese).

C- vegetal libera CO2 (respiração mitocondrial).

D- restos de fezes e urina caem no chão e entram em decomposição pela ação de micro-organismos decompositores.

E- a respiração mitocondrial e fermentação realizada por muitos tipos de decompositores libera CO­2 para atmosfera.

____________________ 

02.03. [b]

A- animais liberando CO2 para atmosfera (respiração mitocondrial)

B- vegetais absorvendo CO2 da atmosfera (fotossíntese).

C- plantas liberando CO2 para atmosfera (respiração mitocondrial).

____________________

 02.04. [a]

A nitrificação é um processo químico que se dá pela ação de micro-organismos e ocorre em duas etapas: nitrosação – transformação de amônia em nitrito (NH3 em NO2) + nitratação – transformação de nitrito em nitrato (NO2 em NO3).

____________________

02.05. [a]

Na raiz de plantas leguminosas desenvolvem-se bactérias fixadoras de nitrogênio (principalmente bactérias do gênero Rhizobium).

Parte do nitrogênio fixado pela ação destas bactérias acaba por repor sais de nitrogênio ao solo, economizando em gastos com utilização de adubos químicos na lavoura.

____________________

02.06. [b]

____________________

02.07 [c]

I- fotossíntese (absorve CO2).

II- respiração mitocondrial realizada pelo produtor (libera CO2).

IV- respiração mitocondrial (libera CO2).

III- animais comendo plantas -nutrição (transfere matéria orgânica e junto a energia do corpo dos vegetais para o corpo dos animais); em todos os processos (fotossíntese, respiração e nutrição) ocorre liberação (passagem) de energia.

____________________

02.08. [a]

1-(fixação biológica) o nitrogênio gasoso é absorvido por bactérias fixadoras que vivem em raízes de plantas leguminosas que usam este material para produzir formas nitrogenadas orgânicas como aminoácidos, bases nitrogenadas, clorofila, etc.

2-(desnitrificação O nitrato (NO3) está sendo reduzido a nitrogênio gasoso pela ação de bactérias desnitrificantes (Pseudomonas) e retorna à atmosfera.

3-(absorção) O nitrato (NO3), sendo um composto muito solúvel, é facilmente absorvido pelas raízes dos vegetais.

4-(nitrificação) A nitrificação é um processo químico que se dá pela ação de microorganismos e ocorre em duas etapas: nitrosação, transformação de amônia em nitrito (NH3 em NO2) + nitratação, transformação de nitrito em nitrato (NO2 em NO3). O nitrato (NO3), por sua vez, sendo um composto muito solúvel, é facilmente absorvido pelas raízes dos vegetais.

5- (decomposição) Matéria orgânica em decomposição pela ação de microorganismos libera amônia e amônio.

____________________

02.09. [a]

Na raiz de plantas leguminosas desenvolvem-se bactérias fixadoras de nitrogênio (principalmente a Rhizobium). Esta bactéria produz, no interior da raiz, amônia e amônio que serão utilizados pela planta para a produção de compostos orgânicos nitrogenados, como aminoácidos, bases nitrogenadas e clorofila.

____________________

02.10. [c]

Etapas 4 e 5 – Síntese de celulose e amido – Os vegetais armazenam parte da glicose que produzem durante a fotossíntese na forma de celulose e na forma de amido. É bom lembrar que animais não são capazes de produzir celulose nem amido.

Etapa 3 – Digestão da celulose – Bactérias que ficam no tubo digestório de ovelhas e vacas produzem a enzima chamada celobiase que é capaz de digerir a celulose, liberando glicose que é absorvida pelo intestino dos animais. Note que nem a ovelha e nem a vaca digerem diretamente a celulose, quem faz isso são os micro-organismos que vivem em simbiose dentro do tubo digestório destes animais.

Etapa 6 – Digestão do amido – Tanto a ovelha como a vaca produzem em seu trato digestivo enzimas capazes de digerir o amido, transformando-o em glicose; Etapa 7 – Síntese de glicogênio – Assim como os vegetais armazenam glicose na forma de amido, os animais armazenam glicose na forma de glicogênio (amido– reserva de glicose vegetal; glicogênio– reserva de glicose animal).

Etapa 8 – Transformação do Glicogênio – Em mamíferos, o hormônio glucagon produzido pelo pâncreas estimula células do fígado a converterem glicogênio em glicose quando a taxa de glicose no sangue está baixa. Este processo 8, portanto, somente pode ser realizados pelos animais na figura apresentada pelo teste. Assim, os animais consumidores apresentados somente podem realizar as etapas 2, 3, 6, 7 e 8.

____________________

02.11. [c]

a)(F) O processo de fixação do nitrogênio é realizado exclusivamente por MICROORGANISMOS e NÃO por vegetais clorofilados como afirmado. Vegetais dependem da ação fixadora de microorganismos para poderem ter disponíveis nutrientes nitrogenados na terra para absorverem por suas raízes.

b)(F) A desnitrificação é realizada por BACTÉRIAS (especialmente bactérias do gênero Pseudomonas) e NÃO por fungos desnitrificantes. Fungos participam do processo de decomposição da matéria orgânica, mas não fazem a desnitrificação.

c)(V) Na raiz de plantas leguminosas desenvolvem-se bactérias fixadoras de nitrogênio (principalmente a Rhizobium). Parte do nitrogênio fixado pela ação destas bactérias acaba passando para o solo e repondo sais de nitrogênio que as plantações acabaram consumindo ao longo do tempo.

 

d)(F) A nitrificação ocorre durante o processo FIXAÇÃO BIOLÓGICA do nitrogênio atmosférico. Durante a decomposição ocorre a DESNITRIFICAÇÃO, ou seja, o contrário do que afirmado. Sapróvoros é o nome que se dá aos organismos decompositores.

e)(F) A principal forma de utilização do nitrogênio pelos vegetais é os NITRATO e NÃO o nitrito. O nitrato é extremamente SOLÚVEL em água, o que o torna facilmente absorvível pelas raízes dos vegetais. Já os nitritos, por sua vez, apresentam baixa solubilidade em água, o que diminui bastante sua absorção por parte das plantas.

 

____________________

02.12. [a]

____________________

02.13. [c]

A decomposição total dos seres vivos transformará a matéria orgânica de seus corpos em água, gases e sais minerais que serão liberados para o ambiente. Os combustíveis fósseis, por sua vez, são o resultado da decomposição incompleta de seres vivos. Por isso que o petróleo e o carvão mineral, como exemplo de combustíveis fósseis, apresentam grandes quantidades de matéria orgânica em sua massa.

____________________

02.14. 31(01, 02, 04, 08, 16)

01.(V) Observe que as plantas liberam I que é absorvido pela respiração de animais, o que nos leva à conclusão de que I é o gás oxigênio. Lembre que na fotossíntese o vegetal quebra a molécula de água na fotólise e libera oxigênio para o ar.

Observe também que II é liberado pela combustão e respiração e imediatamente é absorvido pelos vegetais. II é, portanto, o CO2.

02.(V) Quando o oxigênio está na atmosfera ou dissolvido na água dos rios e oceanos, na forma de gás O2, diz-se que o oxigênio está no meio ABIÓTICO. Quando o oxigênio faz parte de moléculas de proteínas, gorduras e açúcares, que são moléculas orgânicas, diz-se que o oxigênio está no meio BIÓTICO. Preste atenção no oxigênio presente na fórmula da glicose, por exemplo – C6H12O6.

04.(V) Lembre que durante a fotossíntese o vegetal quebra a molécula de água numa fase chamada de fotólise da água e que nesta fase ocorre liberação de gás oxigênio para o ar.

08.(V) Observe o esquema:

 

16-(V) Uma das principais causas do aumento da concentração de CO2 na atmosfera é a queima de combustíveis fósseis como o petróleo, o carvão e o gás natural (CH4).

32.(F) Uma vez que os animais precisam do gás oxigênio e são os vegetais quem produzem este gás durante a fotossíntese, é lógico concluir que os vegetais (seres fotossintetizantes) devem ter se formado primeiro que os animais na história evolutiva da vida em nosso planeta.

____________________

02.15. 06(02, 04)

01.(F) O processo A representa a fixação biológica do nitrogênio e ocorre pela ação de algumas bactérias e alguns tipos de fungos micorriza. Assim, não são todos os organismos procariontes e eucariontes que realizam o processo.

02.(V) Bactérias desnitrificantes fazem a desnitrificação. Desnitrificar é retirar nitrogênio de qualquer composto que tenha nitrogênio. O NITRATO (NO3) tem  nitrogênio? Sim. Então pode ser DESNITRIFICADO por bactérias DESNITRIFICANTES. No final, o NITRATO é destruído e o gás nitrogênio N2 é liberado para atmosfera, como mostra o esquema do teste.

08.(F) O processo B é nitrosação e não a fixação biológica realizada por bactérias simbiontes das raízes de leguminosas. Estas bactérias convertem N2 em NH3 e NH4.

16.(F) O processo C é a nitratação e depende do oxigênio para a oxidação do NO2 em NO3, não podendo, portanto, ser um processo anaeróbico como afirmado.

____________________

02.16. [b]

a)(F) RNA transportador não tem as informações necessárias à produção de enzimas. Ele apenas é responsável em transportar os aminoácidos solicitados pelo RNA mensageiro durante o processo de síntese de proteínas que ocorre nos ribossomos.

b)(V) Uma vez que as bactérias são capazes de fixar o nitrogênio, é de se supor que elas tenham um sistema genético que controla todo este processo, isto é, elas possuem genes que produzem enzimas capazes de controlar as reações químicas que transformam o gás nitrogênio atmosférico em compostos nitrogenados importantes para a produção de aminoácidos, bases nitrogenadas, vitaminas, clorofila, etc.

Assim, se forem transferidos estes genes específicos do DNA bacteriano para o DNA da planta, é de se supor que elas serão capazes de realizar a fixação do nitrogênio como as bactérias fixadoras fazem.

c)(F) O RNA mensageiro têm vida útil relativamente curta e precisam ser produzidas continuamente a partir das informações contidas em genes do DNA.

Assim que eles sofrerem desnaturação, o vegetal que os recebeu perderá a capacidade de produzir as enzimas controladoras dos processos de síntese de compostos nitrogenados. Como a informação deste RNA mensageiro não está no DNA da célula vegetal, ele não poderá ser produzido.

d)(F) As enzimas têm vida útil relativamente curta e precisam ser produzidas continuamente a partir das informações contidas em genes do DNA e transcritas na forma de RNA mensageiro que será lido pelos ribossomos para a síntese das enzimas. Assim que as enzimas transplantadas sofrerem desnaturação, o vegetal que as recebeu perderá a capacidade de produzir os compostos nitrogenados.

e)(F) O RNA ribossômico é o componente primário que forma um ribossomo. Assim, um ribossomo é uma molécula de RNA ribossômico associada com uma série de proteínas. Caso injete-se RNA ribossômico em uma célula ela apenas apresentará um maior numero de ribossomos em seu citoplasma e Não a capacidade de produzir os genes que as bactérias possuem.

____________________

02.17. 52(04, 16, 32)

01.(F) Algumas espécies apresentam maior teor de água que outras. Pense na concentração de água de uma melancia e de uma aranha do deserto. Então! A quantidade de água é invariável entre as espécies de seres vivos? NÃO.

02.(F) Com a idade os tecidos tendem a se desidratarem cada vez mais. Isso faz parte do processo normal de envelhecimento. Pense na hidratação de uma criança com suas bochechas túrgidas e as bochechas de um velhinho. Então! A tendência é aumentar ou diminuir o percentual de água no organismo com a idade? Diminuir.

04.(V) Devido ao alto calor específico da água, ela pode absorver grandes quantidades de calor, porém a temperatura pode variar relativamente pouco, o que protege os organismos das oscilações de temperatura.

08.(F) Não existe nenhum tecido biológico que não seja hidratado. A maior parte do citoplasma de uma célula está constituído de água. Já o tal de “…tecido metabolicamente ativo…” é uma referência aos tecidos onde existe muita atividade celular.

Ex.: As células do fígado apresentam intensa atividade de síntese de substâncias. Os neurônios cerebrais apresentam grande atividade elétrica e química. Já o tecido adiposo, que é um tecido de reserva e armazenamento de gordura, apresenta uma atividade metabólica muito baixa, isto é, não é muito ativo, serve apenas para armazenar as gorduras produzidas pelo corpo ou absorvidas no processo de digestão.

Baixa atividade metabólica também pode ser verificada no tecido cartilaginoso, nos tendões e ligamentos. No entanto, todos estes tecidos precisam de água e estão hidratados.

32.(V) Pense no citoplasma, que é constituído basicamente de água. Nesta água citoplasmática flutuam trilhões de trilhões de diferentes moléculas em seu movimento aleatório e, aleatoriamente vão se chocando, tornando possível as reações químicas celulares. Agora imagine aí na sua cabeça que o citoplasma fosse sólido como uma rocha. As moléculas estariam todas paralisadas nesta matriz sólida. Não se mexeriam. Não se chocariam umas com as outras.

Caso o citoplasma fosse sólido, as moléculas não se encontrariam no espaço com outras moléculas e, portanto, não reagiriam quimicamente entre si. Sem reações químicas não haveria atividade alguma, ou seja, não haveria vida como nós entendemos.

Assim, a água líquida que constitui o citoplasma, é uma espécie de “palco” onde as moléculas movimentam-se aleatoriamente e chocam-se entre si aleatoriamente, tornando possível as reações químicas e, portanto, tornando possível o metabolismo e a vida. Como diz a afirmação: a água “constitui meio dispersante para facilitar a realização das reações químicas”.

____________________

02.18. 69(01+04+64)

02.(F) Os processos D e E são realizados por bactérias decompositoras e desnitrificantes. Este processo, de certa forma, é o contrário do que as bactérias FIXADORAS representadas por A realizam.

04.(V) Produtos nitrogenados originados de animais ou vegetais podem ser decompostos, desnitrificados e reciclados.

08.(F) O processo mostrado em D é o contrário da FIXAÇÃO. Ali está acontecendo a liberação do nitrogênio de volta ao ar, isto é, a DESNITRIFICAÇÃO.

16.(F) As plantas ATÉ podem se utilizar diretamente da amônia, lembre o caso da leguminosa como o feijão que se aproveita diretamente da amônia produzida pelo bactéria Rhizobium. No entanto, o composto nitrogenado preferido das plantas é o NO3 (nitrato). O nitrato é extremamente SOLÚVEL e de fácil absorção pela raiz do vegetal. Esta afirmativa então, está ERRADA. Os vegetais DEPENDEM do nitrato solúvel produzido no processo C do esquema apresentado; 32.(F) O processo mostrado em E indica que as excretas (urina e fezes) dos animais estão sendo decompostas e transformadas em AMÔNIA e NÃO que estes animais estão excretando a amônia. Uma coisa é excretar amônia, outra, é a urina ser transformada em amônia. Observe o esquema acima com atenção.

____________________

02.19.

a) I – Fotossíntese; II – Respiração aeróbica; b) O processo I, a fotossíntese, armazena energia nas ligações químicas de carboidratos; o processo II, a respiração aeróbica, libera a energia armazenada nas ligações dos carboidratos.

____________________

02.20.

a) Um saldo positivo significa uma maior produção de nitrato para o desenvolvimento dos vegetais, uma vez que os vegetais precisam de uma fonte de nitrogênio para produção de compostos nitrogenados como aminoácidos, bases nitrogenadas e clorofila, por exemplo.

b) O cultivo de leguminosas, graças à associação destas plantas com bactérias fixadoras de nitrogênio, propicia um grande aumento de nitrogênio fixado no solo e disponível para os vegetais, bem como reduz significativamente os gastos com adubo à base de nitrogênio.

____________________

 

 

Deixe o seu comentário


Tema traduzido por Wordpress Total.