Aula 12

Publicado por Ricardo Gaúcho Em 15 junho 2010 2 Comentários
Tech tipsComputer Tricks

 

12.01. [b]

_______________ 

12.02. [a]

 _______________

O texto sugere que aqueles seres vivos tenha se originado de material não vivo – abiogênese ou geração espontânea.

_______________ 

12.03. [b]

A hipótese heterotrófica da origem da vida pressupõe que os primeiros seres vivos eram extremamente simples e teriam se originado a partir da evolução química de materiais mais simples e menos complexos.

_______________

12.04. [e]

A hipótese heterotrófica da origem da vida pressupõe que os primeiros seres vivos deveriam ser extremamente simples e teriam se originado a partir da evolução química de materiais mais simples e menos complexos. Segundo esta tese, os primeiros seres vivos absorveriam material orgânico presente no ambiente primitivo, ou seja, não eram capazes de produzir  aquilo que necessitavam em seu primitivo metabolismo. Uma vez que consumiam e não produziam, podemos classificá-los como HETERÓTROFOS. Além, disto, dada sua extrema simplicidade, supõem-se que os primeiros seres vivos faziam a fermentação de materiais absorvidos e assim, conseguiam pequenas quantidades de energia para seu metabolismo p para conseguirem energia.

 

_______________ 

12.05. [b]

Segundo a hipótese heterotrófica a atmosfera primitiva da Terra era composta de hidrogênio, amônia, metano e vapor d’água.

_______________

12.06. [d]

O clássico experimento de Pasteur mostrou que a matéria morta não originava a matéria viva, como era a crença da abiogênese. Afinal, na situação 4, em função da curva do pescoço do tubo, microorganismos do ar não conseguiam chegar no caldo nutritivo esterilizado pelo fogo e o material não sofria a decomposição esperada. Isso provava que a decomposição não era originária da matéria morta que ali estava, mas de algo que deveria vir de fora do material do tubo, no caso, microorganismos.

 

_______________

 12.07. [a]

Oparin acreditava que as descargas elétricas promoveram várias reações químicas que formariam os compostos orgânicos que dariam origem mais tarde aos coacervados, o que é bem diferente do que é dito na afirmativa. Além disto, ele esperava que toda esta atividade elétrica daria origem a compostos orgânicos e não inorgânicos, como afirmado.

 

_______________ 

12.08. [a]

O esquema propõe que estes seres vivos geravam energia de forma autotrófica por quimiossíntese, fazendo sulfeto de ferro reagir com ácido sulfídrico e gerando energia. Como os reagente eram da própria litosfera, parte rochosa do planeta, a hipótese ficou conhecida como quimiolitoautotrófica.

Obs.: hidrosfera – parte líquida; atmosfera – parte gasosa; litosfera – parte rochosa/solo; biosfera – parte viva.

_______________

12.09. [b]

a)(F) As experiências de Miller foram muito importantes para demonstrar que materiais orgânicos poderiam se forma sem a presença de seres vivos, ou seja, não é preciso vida para surgir matéria orgânica. O erro da afirmativa está em “…uma sopa com todas as moléculas essenciais para originar vida…”. Este tipo de experimento produz vários tipos de moléculas orgânicas, mas, não TODAS as moléculas orgânicas necessárias à vida. Note que moléculas complexas como DNA e RNA, essenciais à vida, não se formam nestas experiências. Perceba também que nenhum ser vivo se formou na tal experiência. Dizer que tudo aquilo que um ser vivo necessita se formou na experimentação de Miller é forçar a barra e não ter entendido a experiência.

b)(V) De certa forma, os experimentos de Miller reacenderam a antiga tese da abiogênese, que, a propósito, foi combatida séculos antes por Pasteur. Afinal, segundo a hipótese moderna, os primeiros seres vivos seriam originários de moléculas orgânicas primordiais e não vivas, isto é, a vida teria vindo da não vida!

e)(F) O gás oxigênio, segundo a hipótese heterotrófica, formou-se muito tempo depois que a vida se desenvolveu. Este gás seria um subproduto da fotossíntese primitiva. Neste processo ocorre a chamada FOTÓLISE da água onde moléculas de água são quebradas com a energia da luz. Desta quebra é liberado hidrogênio que será incorporado nas moléculas orgânicas do primitivo fotossintetizante e o gás oxigênio (O2) que será liberado para a atmosfera.

_______________

12.10. [e]

A melhor linha de raciocínio para resolver este teste é partir de um processo evolutivo do estado mais simples para o mais complexo. Dos três eventos apresentados, a fermentação é, sem dúvida, a mais simples e primitiva forma de se conseguir energia e consta, basicamente, de uma única reação química onde matéria orgânica absorvida do meio geraria energia em sua degradação fermentativa, A fermentação realizada por estes primeiros seres vivos, ao longo de centenas de milhões de anos, teria liberado muito CO2 para a atmosfera. Assim, na sequência, teriam se desenvolvido os seres fotossintetizantes III. O processo de fotossíntese libera o gás oxigênio (O2) durante a fotólise da água. Assim, o processo III está associado à liberação de O2. Em seguida,  vem o evento I, que se justifica pela liberação de gás oxigênio no processo III. Observe o esquema abaixo.

Obs.: O gás oxigênio, segundo a hipótese heterotrófica, formou-se muito tempo depois que a vida se desenvolveu. Este gás seria um subproduto da fotossíntese primitiva. Neste processo ocorre a chamada FOTÓLISE da água onde moléculas de água são quebradas com a energia da luz. Desta quebra é liberado hidrogênio que será incorporado nas moléculas orgânicas do primitivo fotossintetizante e o gás oxigênio (O2) que será liberado para a atmosfera.

 

_______________

12.11. [b]

Para Oparin, os primeiros seres vivos teriam sido criaturas muito simples e incapazes de sintetizar as substâncias necessárias para sua estrutura. Deveriam ser, portanto, heterótrofos. Além disto, sua simplicidade permitiria que fizessem, no máximo, o processo de fermentação da matéria orgânica já pronta e disponível no ambiente primitivo, para obter a energia necessária.

         1894 – 1980 (86 anos)

_______________

12.12. [e]

O pescoço do tubo apresentava curvas tais que impediam que microorganismos chegassem no líquido no interior do tubo e iniciassem o processo de decomposição.

Confira o comentário do teste 12.06.

_______________

12.13. [a]

a)(V) Haldane e Oparin admitiam a existência de um processo de evolução química que teria atingido uma complexidade tão grande a ponto de atingir o estado vivo. Evolução química de moléculas simples até agregados bioquímicos auto-replicativos altamente complexos.

b)(F) Pasteur mostrou a falsidade da abiogênese e não contrário, como a afirmativa coloca.

c)(F) A forma como a vida surgiu aqui na Terra ainda NÃO FOI DEFINIDA pela ciência. O que a ciência conseguiu são apenas hipóteses a partir de poucos indícios de que a vida poderia ter se formado assim ou assado. O erro está “…pesquisas atuais permitiram definir a descoberta da vida como sendo através da evolução de componentes inorgânicos…”. Nada é definitivo ainda no assunto origem da vida.

d)(F) Não se tem a menor ideia de como seriam os seres vivos trazidos à Terra por meio da panspermia. Trata-se apenas de uma mera hipótese. Pode ser que, quem sabe, talvez, a vida poderia ter chegado à Terra oriunda de outras regiões do Universo. Como hipótese é válida. Pode ser que isso tenha acontecido realmente. A ciência, no entanto não tem a menor ideia de como seriam estas formas de vida.

e)(F) Nada de definitivo foi comprovado pela ciência sobre esta questão da origem da vida na Terra. Muito menos ainda que a origem da vida se deu de forma autotrófica. Trata-se apenas de hipóteses e nada mais.

_______________

12.14. 11 (01, 02, 08)

02.(V) Bactérias quimiossintetizantes podem ter sido os precursores da vida. Este tipo de microorganismo é capaz de gerar energia a partir de moléculas inorgânicas encontradas no ambiente. Um exemplo são as bactérias Nitrosomonas que convertem NH3 (amônia) em NO2 (nitrito), conforme se estuda no ciclo do nitrogênio. Temos também as ferrobactérias que convertem sulfeto de ferro em bissulfeto de ferro e geram energia útil. Veja o esquema:

FeS + H2S → FeS2 + H2 + energia

O esquema propõe que estes seres vivos geravam energia de forma autotrófica por quimiossíntese, fazendo sulfeto de ferro reagir com ácido sulfídrico e gerando energia. Como os reagente eram da própria litosfera, parte rochosa do planeta, a hipótese ficou conhecida como quimiolitoautotrófica.

04.(F) Louis Pasteur realizou experimentos que consistiam em colocar líquidos nutritivos e pedaços de carne em frascos, aquecê-los e, posteriormente, tampá-los. Após certo período, constatou, nos frascos, que nada acontecia e nenhuma decomposição se dava, a não ser que a tampa fosse aberta e microorganismos entrassem, o que, por sua vez, desencadearia o processo de decomposição

16.(F) A hipótese heterotrófica considera que os primeiros seres não eram capazes de produzir suas próprias substâncias alimentares, afinal, a hipótese heterotrófica defende a ideia de que os primeiros seres eram heterótrofos.

_______________

12.15. [d]

O aumento da concentração de oxigênio molecular (O2) na atmosfera foi consequência da fotólise da água que ocorreu no processo de fotossíntese de primitivas formas de vida do passado. Durante este processo, moléculas de H2O são quebradas (lise) e o oxigênio é liberado para a atmosfera.

_______________

12.16. [e]

a)(F) Os aminoácidos que formam uma proteína estão ligados por ligações peptídicas. Uma ligação peptídica é uma ligação química que ocorre entre duas moléculas quando o grupo carboxila de uma molécula reage com o grupo amina de outra molécula, liberando uma molécula de água (H2O). Isto é, uma reação de síntese por desidratação que ocorre entre moléculas de aminoácidos.

 

c)(F) A estrutura primária de uma proteína é a sequência de aminoácidos que compõe a cadeia polipeptídica. Ora, o enunciado afirma que foi produzido proteínas no experimento. Então, necessariamente, as proteínas formadas tem uma certa sequência de aminoácidos, isto é, possuem um estrutura primária.

d)(F) No período anterior ao surgimento da vida não havia ainda os ribossomos que ligam os aminoácidos em cadeias proteicas.

e)(V) As condições laboratoriais que tentam simular as condições químicas do período que, supostamente, teria surgido a vida, são totalmente diferente das condições bioquímicas em que as proteínas são sintetizadas pelos seres vivos de hoje. O processo de produção de polipeptídios atualmente em seres vivos é controlado por um código genético rígido, predefinido e baseado numa lógica de nucleotídeos do DNA. Segue padrões predeterminados que orientam uma organização não aleatória de aminoácidos para que as proteínas formadas pelos ribossomos exerçam funções definidas. Já no período prebiótico, a organização dos aminoácidos em cadeias polipeptídicas se dava de forma totalmente aleatória e imprevisível, isto é, os aminoácidos iam se ligando uns aos outros de forma totalmente casual, conforme demonstrados nos experimentos de Fox. Não havia ainda um código genético para orientar a síntese de proteínas.

_______________

12.17. [a]

De acordo com o padrão de vida encontrado na Terra, as condições propostas são as mais adequadas para o surgimento da vida em outros planetas.

_______________ 

12.18. [d]

a)(F) Não existe RNA formado por aminoácidos. RNA é formado por um sequência de nucleotídeos à base de adenina, citosina, guanina e uracila.

b)(F) As experiência de Miller-Urey mostraram apenas que matéria orgânica simples pode se formar a partir de gases. O resultados destas experiências não demonstraram a formação de moléculas super complexas como RNA e DNA. Assim, nenhum ribossomo foi formado nos experimentos. Além disto, ribossomos não tem nada a ver com produção de DNA e RNA. Ribossomos são estruturas celulares capazes de unir aminoácidos por meio de ligações peptídicas.

c)(F) O RNA é uma molécula ORGÂNICA.

d)(V) Nos experimentos de Miller-Urey não houve a formação de ácidos nucleicos como DNA e RNA, mas, matéria orgânica mais simples como aminoácidos, éteres, ácidos graxos, etc.

_______________

12.19.

a) A abundância de matéria orgânica disponível no oceano primitivo.

b) A presença de gás carbônico produzido durante a fermentação realizada pelos primeiros seres vivos.

c) A extrema complexidade de mecanismos bioquímicos necessários para o processos de produção de moléculas orgânicas.

_______________

12.20.

a) Hidrogênio, amônia, metano e vapor d’água.

b) Os gases que compunham a atmosfera primitiva da Terra estavam submetidos a altas temperaturas, grandes quantidades de descargas elétricas, grandes quantidades de radiações oriundas do espaço.

c) Os gases que compunham a atmosfera primitiva da Terra reagiram entre si, originando um grande número de compostos químicos, dentre eles: hidrocarbonetos, cetonas, fenóis, aldeídos, gorduras, aminoácidos, etc.

d) Segundo a hipótese Heterotrófica da Origem da Vida, os primeiros seres eram heterótrofos, isto é, comportavam-se como consumidores da matéria orgânica que se acumulara nos oceanos primitivos e estava disponível para estes primeiros seres.

e) Fermentação.

_______________

 

 

2 Comentários até ao momento.

  1. Guilherme Bossolani disse:

    Professor dedicado!! kkkkk

  2. Guilherme Bossolani disse:

    Vlw prof, ajudou muito.

Deixe o seu comentário


Tema traduzido por Wordpress Total.