Aula 05

Publicado por Ricardo Gaúcho Em 15 junho 2010 2 Comentários
Tech tipsComputer Tricks

Sem Título

05.01. [C]

________________________________________

05.02. [B]

A nitrificação é um processo biológico que transforma AMÔNIA (NH3) em NITRATO (NO3).

A NITRIFICAÇÃO ocorre em duas etapas:

1. NITROSAÇÃO

     – transformação de amônia em nitrito (NH3 em NO2)

2. NITRATAÇÃO

     – transformação de nitrito em nitrato (NO2 em NO3).

Assim, o NITRATO (NO3) é o produto final do processo de nitrificação.

 

____________________

05.03. [B]

a)(F) Caso fosse o gás oxigênio a resposta correta, como se explicaria que as plantas estão absorvendo gás oxigênio (O2) das bactérias???!!

O gás oxigênio que as plantas precisam para respiração celular em suas mitocôndrias é retirado do AR atmosférico e não de bactérias fedidas do solo.

b)(V)

c)(F) As plantas retiram Carbono do CO2 atmosférico e não de bactérias fedidonas e melequentas que vivem no solo.

____________________

05.04. [D]

A rotatividade de culturas envolve alternância no tipo de vegetal plantado ao longo do tempo. Neste processo, se alternam diferentes culturas com plantações de leguminosas, umas vez que na raiz destes vegetais desenvolvem-se BACTÉRIAS fixadoras de nitrogênio (bactérias amonificantes). Estas bactérias converte o N2 (gás nitrogênio) em amônia e amônio.

Parte do nitrogênio fixado pela ação destas bactérias acaba por repor sais de nitrogênio ao solo, fazendo o agricultor economizar gastos na compra de adubos químicos nitrogenados para a lavoura.

____________________

05.05. [C]

A rotatividade de culturas envolve alternância no tipo de vegetal plantado ao longo do tempo. Neste processo, se alternam diferentes culturas com plantações de leguminosas, umas vez que na raiz destes vegetais desenvolvem-se BACTÉRIAS fixadoras de nitrogênio (bactérias amonificantes). Estas bactérias converte o N2 (gás nitrogênio) em amônia e amônio.

 

Parte do nitrogênio fixado pela ação destas bactérias acaba por repor sais de nitrogênio ao solo, fazendo o agricultor economizar gastos na compra de adubos químicos nitrogenados para a lavoura.

____________________

05.07. [C]

____________________

05.08. [C]

I.(V)

II.(V) As bactérias desnitrificantes DESNITRIFICAM, isto é, retiram nitrogênio de todos os compostos que tenham nitrogênio. Assim, restos de organismos mortos, urina, fezes, proteínas, ácidos nucleicos, NITRITO (NO2), NITRATO (NO3), como são compostos nitrogenados podem ser DESNITRIFICADOS por bactérias desnitrificantes, como as bactérias do gênero Pseudomonas, por exemplo.

III.(F) As planta NÃO conseguem absorver o nitrogênio na forma N2. Somente bactérias, cianobactérias e fungos micorriza conseguem fazê-lo.

____________________

05.09. [B]

O nitrogênio também pode se tornar disponível para os organismos vivos a partir de sua fixação abiótica, mediada por descargas elétricas na atmosfera.

O nitrogênio reage com o oxigênio em condições de alta temperatura e pressão, que podem ser encontradas durante uma tempestade com ocorrência de raios.

Durante uma tempestade, a alta energia fornecida pelas descargas elétricas quebra a ligação tripla existente entre as moléculas de nitrogênio, permitindo que elas reajam com o oxigênio e formem óxidos de nitrogênio.

Esses óxidos se dissolvem na água da chuva, caem no solo e formam nitrato, que então pode ser absorvido pelas plantas.

____________________

05.10. [E]

I.(V)

– A respiração dos seres vivos ocorre nas mitocôndrias. A glicose é quebrada para liberar energia na forma de ATP. Os restos da glicose são liberados na forma de CO2 e água. Assim, o Carbono é restituído (devolvido) à atmosfera.

– A queima de combustíveis fósseis libera carbono na forma de CO2 para atmosfera.

– A queima de vegetação restituem carbono à atmosfera.

II.(V) Diferentes tipos de bactérias participam da ciclagem do nitrogênio.

III.(V) 

____________________

05.11. [B]

a)(F) As bactérias que vivem em associação com as leguminosas realizam a FIXAÇÃO e não a nitrificação. 

b)(V)

c)(F) As bactérias que vivem em associação com as leguminosas realizam o processo de FIXAÇÃO do nitrogênio e não o processo de nitrificação como indicado na alternativa. 

d) Bactérias NÃO sintetizam o gás nitrogênio. O gás nitrogênio é um componente natural da atmosfera e está presente a zilhões de anos. O que as bactérias podem fazer é transformar o gás NITROGÊNIO do ar em compostos nitrogenados (amônio) no solo ou nas raízes de plantas leguminosas.

Quando uma plantas morre e entra em decomposição, seu corpo libera COMPOSTOS NITROGENADOS, como proteínas, ácidos nucleicos, clorofila para o ambiente.

As plantas mesmas, enquanto vivas, não liberam o gás NITROGÊNIO (N2), como afirmado.

e)(F) As plantas leguminosas ATÉ realizam a absorção pela raiz de sais de amônia presente no solo (na forma de amônio), mas, não é essa a sua importância para a adubação verde.

A maior parte dos sias de amônia que elas conseguem, não vem do solo e sim da ação de bactérias simbiontes que vivem nos nódulos de suas próprias raízes. É aí que entra a Rizhobium-ha-ha-ha

____________________

05.12. [C]

a)(F) Quando produtores e consumidores morrem, seus compostos orgânicos nitrogenados são transformados, por certas bactérias desnitrificantes em NITROGÊNIO GASOSO (N2) que é devolvido à atmosfera e NÃO em nitratos.

Lembre que as bactérias DES-NI-TRI-FI-CAN-TES … desnitrificam, isto é,  retiram nitrogênio de tudo aquilo que tem nitrogênio.

____________________

05.13.  23[01, 02, 04, 16]

01.(V)

02.(V) As bactérias fixadoras de nitrogênio incorporam esse elemento na forma molecular (N2). Ao morrerem, liberam o nitrogênio na forma de amônia (NH3).

***04.(V)

Lembre que o NITRATO é um composto extremamente SOLÚVEL em água, o que torna sua absorção bem mais fácil pelas raízes dos vegetais.

08.(F) Liquens NÃO são capazes de fixar nitrogênio do ar.  Somente bactérias, cianobactérias e alguns FUNGOS conseguem fazer esta absorção.

LIQUENS são associações entre fungo e algas e não um organismo que faz isso ou aquilo.

16.(V) Os compostos nitrogenados produzidos pelas bactérias de plantas leguminosas favorecem também outras plantas. Por isso o processo é chamado de adubação verde.

____________________

05.14. 06[02, 04]

Sem Título 2

01.(F) O processo A representa a fixação biológica do nitrogênio e ocorre pela ação de algumas bactérias e alguns tipos de fungos micorriza. Assim, não são todos os organismos procariontes e eucariontes que realizam o processo.

02.(V) Bactérias desnitrificantes fazem a desnitrificação. Desnitrificar é retirar nitrogênio de qualquer composto que tenha nitrogênio.

O NITRATO (NO3) tem  nitrogênio? Sim.

Então pode ser DESNITRIFICADO por bactérias DESNITRIFICANTES. No final, o NITRATO é destruído e o gás nitrogênio N2 é liberado para atmosfera, como mostra o esquema do teste.

08.(F) O processo B é nitrosação e não a fixação biológica realizada por bactérias simbiontes das raízes de leguminosas. Estas bactérias convertem N2 em NH3 e NH4.

16.(F) O processo C é a nitratação e depende do oxigênio para a oxidação do NO2 em NO3, não podendo, portanto, ser um processo anaeróbico como afirmado.

____________________

05.15. 52[04, 16, 32].

01.(F) Algumas espécies de seres vivos apresentam maior teor de água corpóreo que outras espécies. Pense na concentração de água que encontramos em uma melancia e o teor de água corpóreo de uma aranha do deserto.

Então! A quantidade de água é INVARIÁVEL entre as espécies de seres vivos?

NÃO.

02.(F) Com a idade os tecidos tendem a se desidratarem cada vez mais. Isso faz parte do processo normal de envelhecimento pelo qual todos nós estamos passando ao longo da vida.

Pense na hidratação de uma criança com suas bochechas túrgidas e fofuchas e as bochechas de um velhinho.

Então!

A tendência é aumentar ou diminuir o percentual de água no organismo com a idade? Diminuir.

04.(V) Devido ao alto calor específico da água, ela pode absorver grandes quantidades de calor, porém a temperatura pode variar relativamente pouco, o que protege os organismos das oscilações de temperatura.

CALOR ESPECÍFICO 

É a quantidade de calor que deve ser fornecida para que 1 g de substância tenha a sua temperatura elevada em 1°C.

Cada substância possui um determinado valor de calor específico, que é geralmente expresso em cal/g.°C.

Quanto maior for o calor específico de uma substância, maior será a quantidade de calor que deverá ser fornecida ou retirada dela para que ocorram variações de temperatura.

A água, quando comparada com várias outras substâncias, possui o maior calor específico, que corresponde a 1 cal/g.ºC

08.(F) Não existe nenhum tecido biológico que não seja hidratado. Todo o tecido é composto de células e as células tem o tal citoplasma, cujo principal componente é a água. A maior parte do citoplasma de uma célula é água.

Já o tal de “…tecido metabolicamente ativo…” que o teste se refere é uma referência aos tecidos onde existe muita atividade celular, muito trabalho, muita reação química. Ex.: As células do fígado apresentam intensa atividade de síntese de substâncias. Os neurônios cerebrais apresentam grande atividade elétrica e química. Já o tecido adiposo, que é um tecido de reserva e armazenamento de gordura, apresenta uma atividade metabólica muito baixa, isto é, não é muito ativo, serve apenas para armazenar as gorduras produzidas pelo corpo ou absorvidas no processo de digestão. Fica lá, na maior preguiça, fazendo quase nada para não se cansar.

Baixa atividade metabólica também pode ser verificada no tecido cartilaginoso, nos tendões e ligamentos. Eles ficam ali, só de boas, fazendo o mínimo para não morrerem. No entanto, todos estes tecidos precisam de água para o funcionamento de suas células e estão relativamente bem hidratados quando saudáveis.

32.(V) Pense no citoplasma, que é constituído basicamente de água. Nesta água citoplasmática flutuam trilhões de zilhões de diferentes moléculas em seu movimento aleatório e, aleatoriamente vão se chocando umas com as outras. Estes choques aleatórios tornam possível a ocorrência das reações químicas no interior das células. Agora imagine aí na sua cabeça que o citoplasma fosse sólido como uma pedra. As moléculas estariam todas paralisadas nesta matriz sólida. Não se mexeriam. Não se chocariam umas com as outras. Caso o citoplasma fosse sólido, as moléculas não se encontrariam no espaço com outras moléculas e, portanto, não reagiriam quimicamente entre si. Sem reações químicas não haveria atividade alguma, ou seja, não haveria vida como nós entendemos.

Assim, a água líquida que constitui o citoplasma, é uma espécie de “palco” onde as moléculas movimentam-se aleatoriamente e chocam-se entre si aleatoriamente, tornando possível a ocorrência das reações químicas e, portanto, tornando possível o metabolismo e a vida. Como diz a afirmação: a água “constitui meio dispersante para facilitar a realização das reações químicas”.

____________________

05.16. [A]

O consumidor secundário neste esquema é uma ave carnívora. Carne é basicamente músculo. Músculo é rico em proteínas (especialmente actina e miosina). Proteínas são formadas de aminoácidos. Aminoácidos apresentam um radical amina em sua estrutura. A amina é um composto nitrogenado, isto é,  apresenta átomos de nitrogênio em sua estrutura. Assim, proteínas são compostos nitrogenados e fonte de nitrogênio para a alimentação da tal ave carnívora que o teste se refere.

Excreção   Nitrogenada

Como a proteína é um composto nitrogenado, o metabolismo do corpo acaba produzindo EXCRETAS NITROGENADAS que são tóxicas e devem ser eliminadas.

O metabolismo de proteínas produz AMÔNIA, que é extremamente tóxica e solúvel em água. Nós, os mamíferos, convertemos em nosso fígado a tal AMÔNIA em UREIA e eliminamos posteriormente esta ureia pela urina.

A AVES, no entanto, convertem a AMÔNIA em ÁCIDO ÚRICO, um composto relativamente tóxico e pouco solúvel em água. Posteriormente, este ÁCIDO ÚRICO será eliminado pela urina da ave.

____________________

05.17. 02

01.(F) A fixação do nitrogênio é o processo que converte N2 gasoso da atmosfera em NH3 e NH4.

Os processos representados por D, representam as etapas da NITRIFICAÇÃO.

Observe:

02.(V) 

04.(F) A etapa F mostra a ação das descargas elétricas (raios) na formação de compostos nitrogenados que ajudam a fertilizar o solo.

O nitrogênio também pode se tornar disponível para os organismos vivos a partir de sua fixação abiótica, mediada por descargas elétricas na atmosfera.

O nitrogênio reage com o oxigênio em condições de alta temperatura e pressão, que podem ser encontradas durante uma tempestade com ocorrência de raios.

Durante uma tempestade, a alta energia fornecida pelas descargas elétricas quebra a ligação tripla existente entre as moléculas de nitrogênio, permitindo que elas reajam com o oxigênio e formem óxidos de nitrogênio.

Esses óxidos se dissolvem na água da chuva, caem no solo e formam nitrato, que então pode ser absorvido pelas plantas.

A NITRIFICAÇÃO que o item 04 esta falando é apresentado em D1 e D2. Ver explicação do item 01 deste teste.

08.(F)

A decomposição de restos orgânicos – plantas, animais e dejetos – representada na etapa C do esquema, resulta em amônia, numa reação conhecida por DECOMPOSIÇÃO.

A DESNITRIFICAÇÃO é um processo que degrada compostos nitrogenados liberando nitrogênio gasoso (N2) de volta para a atmosfera, fechando o ciclo do nitrogênio. A desnitrificação está representada em C.

16.(F) Nitrosação é a transformação de amônia (NH3) em NITRITO (NO2).

A transformação de amônia em nitratos é a tal da NITRIFICAÇÃO.

____________________

05.18. [B]

a)(V) Observe que da etapa II para I o nitrogênio da atmosfera esta sendo fixado em amônia, nitrito e nitrato. A desnitrificação é um processo que libera nitrogênio para atmosfera, ou seja, é o contrário da fixação.

b)(incorreto)

O processo II é claramente  a fixação biológica do nitrogênio que ocorre pela ação de bactérias que vivem em simbiose com as raízes de plantas leguminosas.

Observe se não são as bactérias RIZÓBIUM-ha-ha-ha que estão trabalhando e convertendo o nitrogênio do ar e sua bendita ligação tripla em amônia!!!!!!

O que não podemos deixar de levar em conta para analisar a alternativa é:

Somente as bactérias RIZÓBIUMMM-ha-ha-ha são capazes de produzir AMÔNIA (NH3)???

É claro que não!!

Tem também as bactérias AMONIFICANTES!!!

As bactérias AMONIFICANTES transformam N2 do ar em amônia (NH3) que pode muito bem ser utilizada pelo processo I do esquema do teste.

Não podemos esquecer também que outra fonte de amônia (NH3) que pode abastecer o processo I do esquema do teste é a decomposição da matéria orgânica no solo.

Lembra aí:

Assim, no processo II, a amônia é produzida pelas bactérias RIZÓBIUM-ha-ha-ha.

O erro está no fato de que não é penas este processo que produz amônia para a etapa I.

Tem também a ação das bactérias AMONIFICANTES e das DECOMPOSITORAS como vimos a pouco.

c)(V)

d)(V) Na DESNITRIFICAÇÃO o nitrogênio está sendo devolvido para a atmosfera.

No processo II o nitrogênio está sendo transformado em compostos nitrogenados e nao em nitrogênio que retorna ao ar, como é o caso da DESNITRIFICAÇÃO.

____________________

05.19. [XXXXXX]

I.(V) Qual objetivo da fotossíntese?

Armazenar energia nas ligações químicas da glicose!! (C6H12O6)

Qual o principal produto da fotossíntese?

Glicose

Lembre que os produtores (autótrofos) são chamados de PRODUTORES porque produzem toda a matéria orgânica que necessitam para a formação de seu corpo.

O CO2 atmosférico é absorvido pela fotossíntese e fornece CARBONO para a produção das cadeias carbônicas de matéria orgânica.

O carbono volta ao ambiente através do gás carbônico por meio da respiração.

II.(F) O gás oxigênio é produzido durante a construção de moléculas orgânicas pela FOTOSSÍNTESE, e NÃO pela respiração, sendo posteriormente liberado para atmosfera onde poderá ser utilizado pelo processo de respiração dos demais seres vivos.

Passos para raciocínio:

1Lembre que o objetivo da fotossíntese é a produção de glicose (C6H12O6).

2. Para produzir glicose é preciso muito HIDROGÊNIO (no caso, 12 átomos de hidrogênio por molécula de glicose).

3. A fonte mais barata de HIDROGÊNIO é a água (H2O).

4. Durante a fotossíntese, na fase clara ou ciclo de Hill, ocorre a FOTÓLISE da água, isto é, a quebra da molécula da agua com auxílio da energia luminosa.

5. Neste processo a molécula de água é quebra liberando HIDROGÊNIO que é incorporado na glicose (C6H12O6) e átomos de oxigênio que são liberados para atmosfera na forma de gás oxigênio (O2).

III.(V) Graças a energia do Sol ocorre a evaporação de água nos oceanos, rio e lagos. A partir daí o ciclo da água se movimenta.

IV.(F) A fixação é o processo que converte o nitrogênio em AMÔNIA (NH3). Não entra oxigênio neste processo.

A utilização de OXIGÊNIO ocorre na NITRATAÇÃO e na NITROSAÇÃO.

____________________

05.20. [XXXXXX]

a)(F) xxxxxxx

____________________

2 Comentários até ao momento.

  1. Yuri disse:

    A questão 05.09 não seria a letra “B” ?

Deixe o seu comentário


Tema traduzido por Wordpress Total.